Edentulismo, uso de prótese e autopercepção de saúde bucal entre adultos e idosos de um município da região metropolitana de Curitiba

Autores

  • Julia Schlichting Azevedo
  • Emilly Godinho Corrêa
  • Victória Hofstaetter
  • Eduardo Pizzatto
  • Marilene da Cruz Magalhães Buffon
  • José Carlos Stocco

DOI:

https://doi.org/10.21726/rsbo.v20i2.2117

Palavras-chave:

levantamento epidemiológico; saúde bucal; prótese total.

Resumo

Apesar das evidências de melhorias nas condições de saúde bucal no Brasil, o edentulismo ainda é considerado um problema de saúde pública. Objetivo: Avaliar as condições de saúde bucal da população adulta e idosa em um município da região metropolitana de Curitiba (PR), estimando o edentulismo, por meio da avaliação do uso e necessidade de próteses nas faixas etárias de 15 a 19, 35 a 44 e 65 a 74 anos, além de analisar o uso e a necessidade de prótese relacionando a situação socioeconômica e escolaridade. Material e métodos: Trata-se de um estudo transversal, descritivo, com abordagem quantitativa, que avaliou 243 participantes por intermédio de exame clínico e questionário. O programa Epi Info (versão 7.2), de domínio público, foi usado para cálculo de frequências e porcentagens. Para verificação da relação entre as variáveis categóricas, realizou-se o teste qui-quadrado. Resultados: Mostra[1]se prevalência do uso de prótese total superior (25,5%). Tal uso sofreu um aumento significativo nos idosos (55,5%). Além disso, os participantes apresentaram distorções na autopercepção em saúde bucal. Conclusão: Com base nos dados encontrados, evidenciou-se que o edentulismo possui fatores associados a desigualdades sociais e que a saúde bucal da população avaliada é precária, com número elevado de dentes perdidos e necessidades protéticas. São necessárias estratégias para melhoria das condições de vida e promoção de saúde bucal, pelo potencial de reduzir a prevalência de perda dentária.

Downloads

Publicado

2023-08-30

Como Citar

Julia Schlichting Azevedo, Emilly Godinho Corrêa, Victória Hofstaetter, Eduardo Pizzatto, Marilene da Cruz Magalhães Buffon, & José Carlos Stocco. (2023). Edentulismo, uso de prótese e autopercepção de saúde bucal entre adultos e idosos de um município da região metropolitana de Curitiba. RSBO, 20(2), 367–77. https://doi.org/10.21726/rsbo.v20i2.2117

Edição

Seção

Artigos Originais de Pesquisa