Índice de sucesso do tratamento endodôntico dos pacientes atendidos no Centro de Especialidades Odontológicas

  • Fernanda Olivete Bragante
  • Carlos Roberto Botelho Filho
  • Ana Carolina da Silva
  • Bruno Marques da Silva
  • Luiz Fernando Fariniuk
  • Denise Piotto Leonardi
  • Flávia Sens Fagundes Tomazinho
Palavras-chave: Endodontics; research about health services; root canal treatment.

Resumo

Os Centros de Especialidades Odontológicas (CEOs) dão continuidade ao tratamento realizado pela rede de atenção básica, ofertando serviços odontológicos especializados. Objetivo: Avaliar a qualidade técnica e o índice de sucesso dos tratamentos endodônticos realizados no CEO-UP no período de abril a dezembro de 2016. Material e métodos: No período de interesse da pesquisa foram realizados 187 tratamentos endodônticos em 170 pacientes. Avaliaram-se os participantes da pesquisa por meio dos dados contidos no prontuário, de exames clínicos e radiográficos. Os dentes tratados endodonticamente foram examinados por um especialista em Endodontia, um ano após a conclusão do tratamento, que avaliou a condição clínica e comparou e analisou as radiografias realizadas no fim do tratamento com as radiografias atuais. Os dados coletados foram apresentados de forma descritiva mediante números absolutos e percentuais. Resultados: Compareceram à avaliação 53 pacientes, totalizando 59 dentes tratados. Destes, 98% apresentavam correta adaptação do material obturador e 84% estavam com o limite apical da obturação adequado. Quanto à condição do dente, 71% estavam restaurados com material definitivo. Oitenta por cento dos dentes não apresentavam lesão periapical, e em 17% a lesão havia diminuído. Conclusão: Os tratamentos endodônticos realizados no CEO-UP possuem uma adequada qualidade técnica, resultando no sucesso do tratamento endodôntico feito por esse serviço.

Publicado
2018-06-30