Ameloblastoma multicístico reabilitado com prótese tridimensional

  • Eurico Candido de Oliveira Junior
  • Victor Felipe Ferreira Catapreta
  • Felipe da Silva Peralta
  • Luis Felipe das Chagas e Silva de Carvalho
  • Alexandre Prado Scherma
Palavras-chave: ameloblastoma; intervenção cirúrgica; reabilitação.

Resumo

O ameloblastoma é um tumor odontogênico epitelial benigno, localmente invasivo e de crescimento lento. Apresenta diversas opções de tratamento, podendo o tratamento conservador alcançar taxas de recorrência de até 90%. Diante desses casos, deve ser realizada ressecção cirúrgica com margens de segurança. A reabilitação pós-cirúrgica pode ocorrer de várias formas, e, por meio de avanços tecnológicos, introduziu-se recentemente uma nova técnica utilizando prótese customizada tridimensional de articulação temporomandibular (ATM) e corpo de mandíbula, que é instalada no momento cirúrgico de ressecção, permitindo assim melhores resultados no que se refere à anatomia e função. Relato de caso: O presente trabalho relata um caso de ameloblastoma multicístico, em paciente do sexo feminino, 55 anos, em que foi realizada reabilitação com prótese customizada de ATM e corpo de mandíbula, após intervenção cirúrgica de ressecção completa com margem de segurança. O primeiro acompanhamento deu-se com 15 dias, e foram observados apenas sinais compatíveis com o pós[1]operatório. Conclusão: O aprimoramento contínuo dessas técnicas permite ao cirurgião maior previsibilidade dos casos, melhor controle pós-operatório e a possibilidade de proporcionar uma condição ideal de saúde geral aos pacientes.

Publicado
2021-06-28
Seção
Artigos de Relato de Caso