Conhecimento tradicional sertanejo: um patrimônio imaterial em risco

Joana Crivelente Horta, Silvia Helena Zanirato

Resumo


O artigo aborda o conhecimento tradicional como patrimônio imaterial e emprega, como tema de análise, os saberes da população do povoado no entorno de Mirorós, no sertão da Bahia, relacionados às técnicas de irrigação. Os riscos de desaparecimento desses saberes motivam a preocupação aqui expressa.


Palavras-chave


saberes tradicionais; irrigação; sertão.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.21726/rccult.v3i1.44

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internaciona