Os benefícios da criação e implantação de um arquivo público municipal em Fortaleza (CE)

  • Ezequiel Pereira de Sales
Palavras-chave: arquivo municipal; governança municipal; Fortaleza (CE).

Resumo

Este trabalho expõe alguns benefícios que adviriam para a cidade de Fortaleza (CE) e seus habitantes com a criação e implantação de um arquivo público municipal. Para tanto, foram analisados diários oficiais do município de Fortaleza publicados entre 1999 e 2021 e indicadores municipais atualizados e disponíveis por meio de transparência ativa; também foi feita entrevista no Arquivo Central (Secretaria de Planejamento, Orçamento e Gestão – SEPOG). Dessa forma, diagnosticando a realidade administrativa da Prefeitura de Fortaleza, constatou-se que uma instituição arquivística pública municipal traria benefícios para a capital cearense em diversas esferas, dentre elas a administrativo-institucional, a econômica, a cidadã, a da sustentabilidade e a da preservação do patrimônio histórico-cultural fortalezense. A pesquisa tem como objetivo apontar os ganhos e benefícios oriundos da criação institucional de um arquivo público em Fortaleza (CE). Conclui-se que a implantação de um arquivo público municipal na capital cearense poderia ser feita mediante pequenos ajustes (considerando a atual configuração da infraestrutura de seu Arquivo Central), favoreceria de forma relevante o exercício da governança municipal, geraria economicidade, promoveria a cidade a um status mais elevado de transparência, desenvolvimento, cidadania e cultura, fortaleceria o Estado Democrático de Direito e influenciaria positivamente os demais municípios cearenses e a região Nordeste a também melhor sistematizarem suas políticas públicas arquivísticas.

Publicado
2022-03-31
Seção
Arquivos públicos e desafios da gestão do patrimônio documental arquivístico