Diversidade de abelhas (Hymenoptera: Apidae) em área de mata atlântica em Joinville, Santa Catarina

Enderlei Dec, Denise Monique Dubet da Silva Mouga

Resumo


Realizou-se um levantamento da apifauna do Parque Ecológico Prefeito Rolf Colin, utilizandopratos-armadilha, iscas aromáticas e redes entomológicas, de janeiro a dezembro de 2012.Foram amostradas 557 abelhas de 49 espécies, sendo 85 nos pratos-armadilha, 71 comiscas aromáticas, 223 com redes entomológicas e 178 apenas registradas. Capturaram-se assubfamílias Apinae (68,22% de abundância), Halictinae (29,44%) e Megachilinae (2,34%),com 18, 24 e seis espécies, respectivamente. Para Euglossina, o eugenol atraiu todas asespécies coletadas, vanilina apenas duas, eucaliptol uma e as demais nenhuma (cinamatode metila, salicilato de metila e acetato de benzila). Foram coletadas 23 espécies de plantasvisitadas, sendo as mais procuradas Sphagneticola trilobata (L.) Pruski, Inga marginataWilld. e Calathea communis Wand & S. Vieira. As abelhas interagiram com Euterpe edulisMartius, Geonoma gamiova Barb. Rodr. e Begonia campos-portoana Brade, espéciesameaçadas ou endêmicas, esta última visitada por Ariphanarthra palpalis Moure, 1951 eAugochlorodes vachali Gonçalves & Melo, 2008. Eulaema (Apeulaema) cingulata Fabricius,1804 e Megachile (Trichurochile) cachoeirensis Schrottky, 1920 representam novos registrospara Santa Catarina. Os índices de diversidade e equabilidade mostram melhor distribuiçãoe homogeneidade das espécies nas estações quentes e similaridade maior com ambientes defloresta ombrófila densa baixa e submontana.


Palavras-chave


Apifauna; estudo de comunidades; Parque Ecológico Rolf Colin; sul do Brasil.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.21726/abc.v1i2.91

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Acta Biológica Catarinense, ISSN 2358-3363, Joinville/SC, Brasil.Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.